O que fazer em São Paulo no feriado de 07 de Setembro?

No dia 7 de setembro comemoramos o Dia da Independência, o dia em que D. Pedro I deu o famoso grito que libertou o Brasil de Portugal. E é também um feriado em plena quinta-feira. Ou seja, uma bela oportunidade para curtir aquele descanso merecido.

Vai passar o feriadão em São Paulo e está buscando uma programação para o tempo livre? Veja aqui as opções, muito além dos roteiros tradicionais de restaurantes e museus. E se surpreenda!

Parada de 7 de setembro

7-de -setembro

Foto: Edição 2013 do Desfile de Sete de Setembro. Foto: José Cordeiro/ SPturis.

Para começar, que tal assistir à tradicional Parada de 7 de setembro? Os tradicionais desfiles e paradas acontecem em municípios pelo Brasil inteiro, e é claro que não podia faltar na maior cidade do país. 

Em São Paulo, a data é comemorada no Desfile Cívico e Militar de 7 de Setembro de São Paulo, que acontece todo ano no Sambódromo do Anhembi, e é gratuito. Serão cerca de 8 mil desfilantes, entre militares e civis, prestando homenagem no dia. Mas se prepare para chegar cedo! A previsão de público é de 30 mil pessoas, o que significa o Sambódromo lotado.  O evento acontece a partir de 9h30 da manhã.

Passeio pelos parques

Só de pensar em multidão, já desanimou? Então talvez prefira visitar os parques pela cidade. O Ibirapuera é o mais famoso, o que você provavelmente já sabe. E com motivos: além de trilhas e um contato com a natureza, há diversos espaços culturais dentro do parque, como o MAM, o Museu Afro Cultural e o Planetário. 

Mas não se limite a ele! São Paulo tem parques incríveis em praticamente todas as regiões da cidade. Todos com opções legais de lazer, esporte ou apenas aquele ambiente para relaxar. E até um pouco de cultura. Veja alguns que a gente indica – e as respectivas regiões:

- Parque do Povo – na Chácara Itaim

- Parque Villa Lobos – Alto de Pinheiros

- Jardim Botânico de São Paulo – Vila Água Funda

- Parque da Juventude - Carandiru

- Parque da Água Branca – Água Branca

- Parque da Aclimação - Aclimação

- Parque Estadual Alberto Löfgren - Horto Florestal

Quer saber mais sobre os parques de São Paulo? Confira aqui.

Passeios pela cidade – guiados ou não

sao-paulo-panorama

Foto: Berrini - André Stefano

Para quem gosta mesmo do cenário urbano, principalmente um cenário com uma mistura de cultura e interesses vista em poucos lugares do mundo, São Paulo é um prato cheio. 

Você pode optar por tours guiados. Eles normalmente funcionam no esquema de “pague o quanto vale” – ou seja, a contribuição é por sua conta. Mas é uma forma de conhecer gente nova e aprender um pouquinho sobre a cidade. Interessou? Então anote alguns deles: São Paulo Free Walking Tour, Caminhada Noturna e Paseos a Pie.

Mas você também pode fazer isso sem grupo nenhum, só com família e amigos. Nesse caso, as sugestões são:

- Av. Paulista de ponta a ponta: Ali você vê de tudo. De vários shopping centers a vendedores ambulantes; de restaurantes caros a botecos bem simples; centros culturais e museus a artesanato de rua. E, é claro, gente de todo tipo. Tem até shows e aulas de dança em alguns trechos da avenida! Veja mais sobre o que fazer na Paulista.

- Centro Histórico: Visitar a Catedral da Sé e descer pelo centro histórico. É um passeio que parece saído dos livros de história, com tantos nomes e ruas famosos. E até o marco que originou todo o estado – e muito do nosso país. Já as ruas estreitas são uma viagem no tempo!

- Vila Madalena: Muitos barzinhos e espaços com aquele toque alternativo ou aconchegante. A Vila Madalena é um charme e um lugar que deve ser visitado! Um destaque aqui é para o Beco do Batman: algumas ruas com as paredes repletas de grafite. Alguns deles são substituídos periodicamente pelos artistas. Vale conhecer e fotografar bastante.

- Liberdade: Um pouco da cultura japonesa dentro da cidade de São Paulo. Essa área marca bem a mistura do oriental com o tipicamente brasileiro. Isso é fácil de ver nas lojas, restaurantes e até pelas pessoas nas ruas. Que tal aproveitar e conhecer um dos templos budistas do bairro?

Ver a cidade bem do alto

Se andar nas ruas tem seu charme, imagina então olhar essa cidade inteira de cima? Literalmente!

Uma coisa que São Paulo não deixa a desejar são as diversas vistas urbanas. De tirar o fôlego para quem ama grandes cidades. E alguns desses mirantes, em edifícios bastante tradicionais da cidade, têm entrada gratuita.

O mais tradicional deles é o Edifício Copan, no centro de São Paulo, projetado pelo arquiteto Oscar Niemeyer. São oferecidas visitas guiadas, agendadas com antecedência por telefone (+55 11 3257-6169). O Copan fica na Avenida Ipiranga, 200.  

Uma opção mais sofisticada é o Edifício Itália.  Ali, você não só tem uma vista privilegiada da cidade, como também pode curtir o cenário tomando um vinho ou drink no bar sofisticado, ao som de um piano ao vivo. O mirante tem horário de visitação restrito: das 15h às 16h. À noite, segue a programação do bar. Para uma experiência ainda mais sofisticada, você pode jantar no Restaurante Itália, curtindo a vista. Mas atenção: requer reservas com antecedência. O Edifício Itália fica na Avenida São Luis, 50.

terraco-italia

Foto: Terraço Itália (reprodução)

Contato com a natureza 

O que vale em São Paulo é o ambiente urbano, certo? Errado! A natureza também tem vez por aqui. E de formas que a maioria dos visitantes nem imagina.

Por exemplo, você sabia que tem uma cachoeira secreta em São Paulo? A Cachoeira do Jamil é esse tesouro escondido bem na zona sul de São Paulo. O lugar é um pouco distante, requer um planejamento para o dia inteiro. Mas vale a pena: águas densas, muito limpas, desembocando em uma praia de água doce. E cercada por um pedaço de mata atlântica. Uma aventura e tanto, não?

Quer saber mais sobre o que fazer em São Paulo? Confira aqui um roteiro com os melhores restaurantes na Avenida Paulista.

Conheça também o Home Paulista, o lugar ideal para ficar em São Paulo. Seja a trabalho ou por lazer, o residencial oferece toda a estrutura para oferecer o melhor conforto para sua viagem.

0 Comentários :

Comentário

Arquivo